Personalidades
Clizeu Meinerz

Nascido em 15 de março de 1969, Clizeu Meinerz é filho de Lotário e Lúcia Dulci Meinerz, agricultores no município de Toledo no Paraná.

Ex-seminarista, Clizeu estudou no Seminário do Verbo Divino durante 5,5 anos, e depois de rever sua verdadeira vocação, resolveu deixar a sua intenção de se tornar padre para se dedicar a outros objetivos.
Formou-se em Técnico em Piscicultura, mas não chegou a exercer a profissão, pois em 1988, passou num concurso público, o que o levou a trabalhar por 4 anos no IAP - Instituto Ambiental do Paraná, onde aprendeu a valorizar e a lutar pela questões ambientais. Tenta aplicar o que aprendeu em sua empresa e na comunidade.
Casado há 16 anos com Claudete Calvi, com que tem dois filhos, Jonas (14 anos) e Vitória (9 anos).
Clizeu chegou à Cecília em maio de 1993, "Vim de um lugar, Toledo, no Paraná, onde as questões de infra-estrutura e de organização são um exemplo." - confidencia Clizeu - "Quando cheguei aqui no bairro, foi difícil ter que conviver com tantos problemas sociais.

As carências da comunidade e a falta de saneamento básico me impressionavam. Agora está um pouco melhor, mas temos muito a fazer para que as condições de vida na região da Grande Cecília sejam no mínimo, aceitáveis. Se cada um fizer a sua parte..." - finaliza Clizeu. A preocupação com essas causas sociais, faz com que desenvolva várias ações junto à comunidade, sempre em companhia de sua esposa Claudete, o sócio Paulo e sua esposa Sandra, com quem divide a tarefa de administrar a empresa Redemac Calvi, que somada a uma equipe qualificada e comprometida com a ética e responsabilidade, oferece um atendimento diferenciado a seus clientes.
Algumas das ações que a Redemac Calvi promove:
• Campanha do Agasalho, onde arrecada roupas, calçados e alimentos não perecíveis;
• Dia da Criança, que já esta 6ª edição;
• Promoveu durante três anos o Acampamento Farroupilha (Semana Crioula Redemac Calvi);
• Auxilia com suas campanhas, entre outros: Ação Social da Paróquia Santa Isabel, a Obra Social Bom Pastor, Centro Epírita Luz e Fraternidade e o CTG Pealo da Estância, com a reforma do expositor de troféus.